Mais buscados no Google

Se tem duas lojas que eu tenho que fazer parada obrigatória quando estou nos EUA são a H&M e a Bath & Body Works, pois são marcas que eu gosto bastante e que infelizmente não tem aqui no Brasil. A Bath & Body Works é uma loja dedicada à aromaterapia, tem produtos de pele como hidratantes, e também uma linha completa de casa, que é incrível. Mas quem...
continue
Compartilhe
Tenho problemas com o sono desde sempre, não consigo recordar das minhas primeiras crises de insônia. Não adianta, por mais cansado que eu esteja, deito e a cabeça não para de funcionar, e isso dificulta muito que eu pegue no sono. Tenho uma inveja enorme de pessoas que encostam a cabeça em qualquer canto e dormem. Já tentei de tudo, banho relaxante, app de celular com musiquinhas,...
continue
Compartilhe
Desde novembro estava com a idéia de comprar um macbook martelando na minha cabeça. Por mais que eu já tenha um iMac, o Macbook me faz falta principalmente em viagens, pra poder editar os vídeos e elaborar posts pra vocês. Então fui guardando um pouco de dinheiro, mas já sabia que comprar no Brasil seria impossível. Mais abaixo vocês verão a comparação e entenderão a razão de...
continue
Compartilhe
No último sábado fui acompanhar a Honey em um salão de beleza, precisava cortar meu cabelo antes de viajar. Logo que cheguei no salão vi um anúncio de depilação para mulheres e homens, e já fiquei empolgado. Primeiro por nunca ter feito depilação com uma profissional, e segundo por estar indo pra duas viagens em breve e provavelmente usarei bastante roupas de banho. Falei com a depiladora,...
continue
Compartilhe
Não tem jeito, pelo menos uma vez por semana que recebo um e-mail perguntando sobre cabelo. Como fazer, o que usar, cabelos crespos, lisos, cacheados, enfim… Realmente as dúvidas são muitas, e pretendo ir liquidando algumas delas com o tempo. O tutorial de hoje é para mostrar que você pode ir no crespo ao liso em poucos minutos, e sem precisar usar nenhuma química nos seus fios....
continue
Compartilhe
mais posts sobre Testei
Compartilhe

IMG_0229

Desde quando terminei de ler o livro “A Culpa é das Estrelas” [post aqui] fiquei super interessado em ler outros do autor John Green. Por mais que os leitores de plantão critiquem um pouco a linguagem dele, dentro do meu “amadorismo” achei bem bacana.

IMG_0228

E hoje venho falar com vocês um pouco sobre o livro “Cidades de Papel”. Tudo bem que demorei um pouco pra terminar, mas meu tempo anda tão corrido que tinha que escolher entre ler ou ver vídeos no youtube… então acabava vendo vídeos pra poder me atualizar. Mas consegui finalmente terminar, em uma sentada de espera no banco! hahahaha

IMG_0223

O livro conta a história de uma dupla de adolescentes vizinhos, mas que pertencem à grupos totalmente distintos no colégio. Quentin pertence à um grupo de meninos meio nerds, tranquilos e que o ápice de aventura é arranjar um par para a festa de formatura. Já Margo é uma garota popular, que convive com a galera mais popular e “problema” do colégio.

A história dos dois se cruza quando Margo resolve incluir Quentin em uma aventura noturna pela cidade de Orlando, na Flórida. E isso faz com que algo desperte dentro de Quentin, seria uma paixão antiga? Acontece que Margo é uma garota livre e aventureira, e na manhã seguinte desaparece sem deixar rastros aparentes… Até que Quentin consegue encontrar algumas pistas supostamente deixadas pela garota e começa a procura por sua amada.

IMG_0224

Eu gostei da história, no começo imaginei Margo como uma psicopata louca, mas com o tempo fui percebendo que no fundo ela queria apenas ser notada. Sou apaixonado por Orlando, então a história ganhou pontos extras por se passar nessa cidade.

Acontece que o livro enrola MUITO, e por muitas vezes fiquei sem paciência e pulei algumas páginas. A narrativa é muito complexa, cheia de detalhes e isso acaba me confundindo… tem quem goste, mas eu ODEIO enrolação. Na parte final por exemplo, tem uma interminável narrativa (hora por hora) da viagem deles de Orlando pra NY, pulei TODAS! hahahaha

No geral gostei da história, mas não tem a mesma pegada que me atraiu em A Culpa é das Estrelas.

Agora vou começar o Teorema Katherine, quando terminar conto pra vocês tá?

gostou desse post? compartilhe com os amigos!
facebook
twitter
google plus
leia mais sobre Eu LiLeituraLivroTestei
  1. Lívia Pessin 06/01/2015

    Gente, eu adoro a linguagem que o John Green usa. Depois que li a Culpa é das Estrelas, comprei todos os outros livros e li em seguida Deixe a Neve Cair, Cidades de Papel, O Theorema Katherine, Quem é você Alasca e Will e Will… Kkkk amei todooos… A parte da viagem em Cidades de papel é muito engraçada… Bjoss

  2. Carla Santos 27/03/2014

    Vixi o Teorema de Katherine é bem pior q Cidades de Papel,tbm pulei como vc ,relalmente enrolação num livro não é nada bom,os 13 porquês tbm não gostei,mas A Culpa é das Estrelas foi o melhor livro q já li na vida,sou fã esperando ansiosa pelo filme bjus

  3. Cintia de Souza 26/03/2014

    Luh estou lendo ele e comecei ontem kkk e já estou terminando. Estou amando o livro e amando o modo de linguagem de Jhon. Indico a todo mundo.

  4. Giulia Sandrinele 25/03/2014

    Amo todos dele,mas “A CULPA É DAS ESTRELAS” é o mais perfeito,tipo aquele livro que você não consegue desgrudar. simplesmente me apaixonei *-*

  5. Nicole 25/03/2014

    Luh, lê ‘Quem é Alasca?’. É o melhor dele depois de ‘a culpa é das estrelas’, eu deixei pra ler por último ‘cidades de papel’ e foi a melhor coisa porque não consegui terminar de ler e talvez teria desanimado de ler o restante!!
    Lê e comenta aqui!!
    Beijos
    Nicole

  6. Nicole 25/03/2014

    Luh,
    Lê “Quem é Alasca?”, fiz uma ordem diferente da sua! Comecei claro com “a culpa é das estrelas” e amei! Depois li “Quem é Alasca?”, “O teorema Katherine” e comecei mas não terminei “Cidade de Papel”!!!
    O que mais me prendeu como o primeiro, só o da Alasca e fiquei feliz de ter deixando o cidade de papel por ultimo, senão talvez tivesse desistido do resto!!
    Depois conta o que achou!!
    Beijos
    Ni

Desde quando terminei de ler o livro “A Culpa é das Estrelas” [post aqui] fiquei super interessado em ler outros do autor John Green. Por mais que os leitores de plantão critiquem um pouco a linguagem dele, dentro do meu “amadorismo” achei bem bacana. E hoje venho falar com vocês um pouco sobre o livro “Cidades de Papel”. Tudo bem que demorei um pouco pra terminar, mas...
Leia mais
Compartilhe
Desde quando terminei de ler o livro “A Culpa é das Estrelas” [post aqui] fiquei super interessado em ler outros do autor John Green. Por mais que os leitores de plantão critiquem um pouco a linguagem dele, dentro do meu “amadorismo” achei bem bacana. E hoje venho falar com vocês um pouco sobre o livro “Cidades de Papel”. Tudo bem que demorei um pouco pra terminar, mas...
Leia mais
Compartilhe
<