Categoria: Beleza
 
7 de junho de 2017

Resenha de hoje é sobre o corretivo de alta cobertura, Lock-it da linha de maquiagens da tatuadora Kat Von D. Já tinha um tempão que eu queria testar esse corretivo, e aproveitei a última viagem para comprar um para testar.

Acho bacana como a linha de makes da Kat Von D vem crescendo, e sempre com produtos de ótima qualidade. E com o Lock-It não é diferente, ele ganhou fama por sua alta cobertura com apenas uma aplicação.

Essa versão do Lock-it tem textura cremosa e alta concentração de pigmentos, o que possibilita uma alta cobertura com apenas uma camada de produto. Claro, você pode aplicar uma segunda, caso sinta necessidade, mas a intenção do produto é que por usar pouco produto você tenha um acabamento leve e natural. Além disso ele traz em sua fórmula um complexo para manter a pele hidratada e revigorada.

O corretivo está disponível em 23 cores, e inclui um corretivo branco! Com tantas opções eu levei um tempinho para escolher a minha cor, e sinceramente acho que deveria ter comprado um tom mais claro, mas tudo bem, funciona. A minha cor é a M23-Cool.

A embalagem do Lock-it parece um gloss/batom líquido e tem esse aplicador em formato de coxinha (claro, só penso em comida mesmo né? hahaha). Eu geralmente aplico com este aplicador, e depois espalho com um pincel ou esponjinha de corretivo.

O produto rende super bem, e com uma pequena quantidade de corretivo eu consigo uma cobertura bem bacana. Começo aplicando na parte interna, e vou trazendo pra fora com o pincel.

A textura dele na pele é mais sequinha, porém super confortável. Não sinto ele marcando, nem craquelando, o que é ótimo.

E aí vamos falar sobre a melhor parte, durabilidade né? O Lock-it dura muito na pele, eu diria que o único corretivo que já testei que dure tanto como ele foi o pro longwear da M.A.C.

Infelizmente essa versão do Lock-It ainda não está disponível aqui no Brasil, mas tem a versão líquida aqui na Sephora


Categoria: Beleza
 
23 de maio de 2017

Faz tempo que não faço resenha de primer aqui no blog né? Confesso que por não mudar muito de produto, e também por não ter encontrado (até então) algum produto que me chamasse atenção a ponto de vir falar sobre aqui com vocês. Mas, parece que o jogo virou né? Na última viagem comprei alguns novos, e um pouco antes de viajar recebi esse da Quintal, uma marca nacional super bacana, e tô amando!

A Quintal é uma marca do sul do país, e inclusive já falei sobre a Goma Esfoliante Facial deles aqui pra vocês. Tenho gostado muito da qualidade dos produtos da marca viu? Já quero testar mais coisas.

Bom, mas vamos falar sobre o Blemish Blur né? Que na verdade é um híbrido entre um primer e um bb cream já que tem multibenefícios na fórmula, e uma leve cor que na minha opinião não altera em nada na uniformização da tonalidade da pele.

O produto promete benefícios como redução de poros, controle de oleosidade, toque seco… E um bem diferenciado, o escudo antipoluição… Achei incrível pra se usar aqui nessa selva de pedras chamada Sampa.

Após usar o produto por algumas vezes, cheguei à conclusão de que ele é realmente um excelente aliado para quem procura um efeito óptico bacana nos poros, além de ter uma textura bem sequinha. Eu acho bem visível a ação dele nos poros, vejam na comparação de antes e depois.

Não senti grande diferença no quesito oleosidade controlada, afinal estamos em uma estação mais fria e minha pele está super comportada. Mas de qualquer forma tem sido um primer que tenho usado bastante, tanto para situações diurnas, quanto noturnas.

Ah, outro ponto positivo é que ele funcionou bem até com bases mais secas por cima. Estava com receio pois ele já tem uma textura mais sequinha, mas deu super certo viu!?

O único ponto que achei negativo foi o preço, achei meio caro para um produto nacional. Mesmo sendo um ótimo produto, acho que se tivesse um precinho mais amigo seria ainda mais incrível, concordam?

Vocês podem encontrar o Blemish Blur da Quintal on-line aqui na Sephora


Categoria: Beleza
 
15 de maio de 2017

Que tal uma base que tenha uma boa cobertura mas ainda assim deixe um aspecto de pele nada? Pois então hoje vamos falar sobre a Naked Skin da Urban Decay, que tenho usado há um tempinho e finalmente venho resenhar pra vocês por aqui.

Na verdade eu vinha usando essa base de vez em quando, pois tinha recebido uma um pouco escura (3.5) para o meu tom de pele, mas recentemente a marca me enviou na cor que deu perfeitamente no meu tom de pele (2.0), então vim correndo fazer as fotos e falar dela pra vocês.

Já tem um tempão que ouço falar bem dos produtos da linha Naked da Urban Decay, e tinha uma super curiosidade para testar essa base. E olha, me arrependo de não ter testado ela antes viu? Ela é incrível!

Mas antes de expor o meu ponto de vista, vamos ver o que a marca promete com esse produto?!

Uma base líquida, leve e invisivel que cria um acabamento luminoso e semi-mate. Sua fórmula ajuda a pele a ficar com um acabamento iluminado e natural. Naked Skin é formulada por esferas de difusão de luz que deixam o seu look com um toque profissional. Base Naked Weightless Ultra Definition Liquid Makeup permite que vocês construam sua própria cobertura e customizem seus look. A Base Naked está disponível em várias cores e tem acabamento mate, luminoso mas não brilhoso.

E realmente, a Naked Skin da Urban Decay é uma base que surpreende. Quando tive meu primeiro contato com a textura dela, e observei que era bem levinha, jamais julgaria que ela teria uma cobertura tão boa! Uma camada na minha pele já é mais que o suficiente para uniformizar o tom da pele e esconder algumas imperfeições.

Além de ter uma pigmentação bacana e proporcionar essa cobertura média, a base tem também um acabamento luminoso que com a luz ideal deixa a pele impecável. Eu gosto de aplicar com a Beauty Blender, mas super rola de aplicar a Naked Skin com duo fibre, flat top e até com as mãos, na verdade ela é o tipo de base que não tem erro sabe? Textura fácil de trabalhar, e acabamento lindo.

Notem no antes e depois que a Naked Skin uniformizou super bem o tom da pele, mas não deixou com aspecto pesado nem chapado, o que pra mim é uma excelente característica, principalmente no caso da pele masculina.

Apesar de ter acabamento mais luminoso, a Naked Skin é uma base bem sequinha e adere super bem na pele. No quesito transferência ela também se comporta super bem, e a durabilidade é ótima! Na minha pele ela fica intacta por tranquilas 7-8 horas.

Em comparação com a All Nighter, base recém lançada pela UD, eu diria que o acabamento da Naked é mais sutil e faz mais o meu estilo. Porém vale ressaltar que ambas tem propostas completamente diferentes.

Sem dúvidas a Naked Skin é uma excelente opção de base para você chamar de sua, principalmente os meninos viu? Vocês encontram ela on-line aqui no site da Sephora