Categoria: Moda
 
13 de fevereiro de 2017

Aos apaixonados por moda e estilo, as semanas de moda internacionais já estão rolando com as tendências para o próximo inverno, que pra gente começa em breve por aqui. Já falei um pouco sobre a semana de moda de Milão aqui, e hoje quero comentar sobre os desfiles da semana de moda masculina de Paris.

Como já disse anteriormente, acho bacana estarmos antenados no que está acontecendo nas passarelas da gringa, pois assim podemos nos antecipar e já apostar nas cores e tendências no nosso inverno daqui. Então vamos lá, bora acompanhar um pouco do que rolou em Paris.

Não posso falar sobre essa semana de moda sem começar pelo melhor desfile, na minha humilde opinião. Eu gostei tanto do desfile da Balmain que esse post quase virou um post dedicado à marca, e com todos os looks do show. Mas me controlei (um pouco) e selecionei 8 looks pra dividir com vocês.

Acho que de todas as marcas francesas, a Balmain é a que eu mais admiro, e desejo! Claro que provavelmente nunca chegarei a ter uma brusinha da marca fundada por Pierre Balmain, mas não custa sonhar né?

Amei o militarismo, presença forte do verde, couro e dourado… Me digam, tem como não amar? Achei as modelagens bem inusitadas, e mesmo sendo passarela, posso dizer que usaria tranquilamente na vida.

A Dior manteve um pouco dos ternos mais conservadores e tradicionais, mas também trouxe alguns looks mais fashionistas. Acho bacana ver uma marca antiga mantendo tradição mas também ousando. Gostei da aposta no macacão de mangas curtas, e do maxi colete laranja.

Gosto bastante da Louis Vuitton, mas esperava um pouco mais do desfile da marca. Em resumo um pouco mais do mesmo que já vimos em vários outros desfiles… Muitos tênis brancos, tamanhos maiores e militarismo.

AMEI a forma como a Valentino brincou com cortes e cores no desfile, como disse acima acho bacana quando uma marca tradicional traz um pouco de olhar fashion pro desfile. Amei o trench/capa e também gostei de ver um pouco mais de cor nesse inverno. Sem dúvidas usaria esse look do casaco verde na vida, o duro é encontrar um casaco assim com preço que caiba no bolso né?

O desfile da Lanvin também apostou em oversized, e cores. Amei a modelagem dos casacos, e essa combinação de turquesa com azul do último look também achei incrível.

Outra marca que gosto muito, e que geralmente dita um pouco das tendências mundiais, é a Givenchy. Haja vista o sucesso da estampa de rotweiller que dominou as prateleiras por um tempão. Amei a cartela de cores escolhidas, e os shapes das peças também ficaram incríveis. Notaram que aos poucos o laranja vai aparecendo de novo no próximo inverno?

E pra finalizar, uma marca que eu não conhecia mas que me encantou quando espiei as imagens do desfile. A Etudes trouxe um pouco de malharia, cor e estampas. Será que finalmente a tendência do cachecol “cobertor” entra para o universo masculino? Acho tão bonito!

Chegamos ao fim de mais um resumão de semana de moda gringa. Quero saber de vocês, o que acharam dos looks desfilados em Paris hein? Acho que tem várias coisas que dá pra se inspirar e trazer pra vida real hein?!


Categoria: Viagem
 
8 de novembro de 2016

melhor-montanha-para-se-visitar-na-suic%cc%a7a-como-chegar-guia-valores-topo-do-mundo-luh-estilo-bifasico-19

Ir para a Suíça e não subir em ao menos uma montanha, não é ir pra Suíça né? O país é famoso por seus Alpes, com lindas paisagens e muita neve o ano todo. Sim, estivemos por lá no final do verão e o topo do Jungfrau estava cheio de neve branquinha e fofa. Como ele é considerado o pico mais alto, com fácil acesso, escolhemos ir nele pois era uma certeza de encontrar neve por lá.

A montanha fica há aproximadamente 2 horas e meia de carro de Zurique, e sim se você pretende fazer este passeio eu te aconselho alugar um carro para facilitar o acesso. Deve haver alguma excursão disponível saindo de Zurique, mas de carro você consegue apreciar a paisagem e fazer quantas paradas achar necessário para fotos, banheiro… Enfim, o que você precisar.

O caminho até lá é lindo, cada curva revelava uma nova paisagem com muito verde e águas cristalinas, a coisa mais linda de se ver. No vlog eu consegui mostrar bastante disso pra vocês.

melhor-montanha-para-se-visitar-na-suic%cc%a7a-como-chegar-guia-valores-topo-do-mundo-luh-estilo-bifasico-10

melhor-montanha-para-se-visitar-na-suic%cc%a7a-como-chegar-guia-valores-topo-do-mundo-luh-estilo-bifasico-9

melhor-montanha-para-se-visitar-na-suic%cc%a7a-como-chegar-guia-valores-topo-do-mundo-luh-estilo-bifasico-6

melhor-montanha-para-se-visitar-na-suic%cc%a7a-como-chegar-guia-valores-topo-do-mundo-luh-estilo-bifasico-7

Ao chegar no pé da montanha você encontra alguns restaurantes, a bilheteria e a primeira estação de trem. Os tickets para subir até o topo não são baratos, e dependem da quantidade de tempo que você pretende ficar lá em cima. Nós pagamos 170 Francos por pessoa para passar 40 minutos no topo.

Leve em consideração também que todas as atividades disponíveis lá em cima são pagas à parte, então reserve pelo menos 250 Francos para a sua visita, pois por mais que você vá apenas para visitar tem que contar com o almoço também.

Sim, é dinheiro pra caramba! Principalmente na atual situação onde nosso dinheiro não anda valendo muita coisa. Mas acredite, é uma experiência tão incrível, e que você vai levar pro resto da sua vida, então vale o investimento.

melhor-montanha-para-se-visitar-na-suic%cc%a7a-como-chegar-guia-valores-topo-do-mundo-luh-estilo-bifasico-4

melhor-montanha-para-se-visitar-na-suic%cc%a7a-como-chegar-guia-valores-topo-do-mundo-luh-estilo-bifasico-8

Nessa estação da bilheteria você pegará o primeiro trem, que te leva até a primeira parada na metade da montanha. Nessa área existem várias lojinhas, restaurantes e uma vista incrível. Você pode optar por subir apenas até este ponto, e gastar menos, mas eu aconselho aproveitar a viagem e subir até o topo.

Deste ponto você pega um segundo trem, que te levará até a estação do topo do Jungfrau. Leve em consideração que você ainda tem uns 40 minutos pela frente, pois o segundo trem faz 3 paradas em observatórios até finalmente chegar ao destino final.

melhor-montanha-para-se-visitar-na-suic%cc%a7a-como-chegar-guia-valores-topo-do-mundo-luh-estilo-bifasico-10

melhor-montanha-para-se-visitar-na-suic%cc%a7a-como-chegar-guia-valores-topo-do-mundo-luh-estilo-bifasico-12

melhor-montanha-para-se-visitar-na-suic%cc%a7a-como-chegar-guia-valores-topo-do-mundo-luh-estilo-bifasico-15

melhor-montanha-para-se-visitar-na-suic%cc%a7a-como-chegar-guia-valores-topo-do-mundo-luh-estilo-bifasico-14

melhor-montanha-para-se-visitar-na-suic%cc%a7a-como-chegar-guia-valores-topo-do-mundo-luh-estilo-bifasico-16

melhor-montanha-para-se-visitar-na-suic%cc%a7a-como-chegar-guia-valores-topo-do-mundo-luh-estilo-bifasico-17

O Jungfrau é considerado o topo da europa, e esta denominação se dá pois é a montanha com mais fácil acesso à uma altitude tão alta (3454 metros). Todo o caminho é feito por trens, que existem desde 1912.

Agora imaginem só, se construir tudo isso hoje em dia já é trabalhoso e leva tempo, imaginem em 1912? Não tinham nem metade da tecnologia e facilidades que temos hoje em dia.  Na verdade a construção dos trilhos começou em 1896, ou seja, levou 16 anos para ficar pronto.

melhor-montanha-para-se-visitar-na-suic%cc%a7a-como-chegar-guia-valores-topo-do-mundo-luh-estilo-bifasico-18

melhor-montanha-para-se-visitar-na-suic%cc%a7a-como-chegar-guia-valores-topo-do-mundo-luh-estilo-bifasico-19

melhor-montanha-para-se-visitar-na-suic%cc%a7a-como-chegar-guia-valores-topo-do-mundo-luh-estilo-bifasico-21

melhor-montanha-para-se-visitar-na-suic%cc%a7a-como-chegar-guia-valores-topo-do-mundo-luh-estilo-bifasico-20

Conforme você vai subindo você vai sentindo que começa a ficar mais frio, e o oxigênio começa a ficar mais escasso. Um fenômeno denominado ar rerefeito, que nada mais é que a diminuição da pressão do ar em altas altitudes. Fique tranquilo, esta é uma altitude segura e você não precisa de equipamentos para respirar, o oxigênio está ali para todos, basta respirar com calma e se acostumar com a situação.

Nas paradas existem observatórios com grandes paredes de vidro para que possamos apreciar a imensidão branca criada pela neve. É tão lindo estar ali e se dar conta de como a natureza é perfeita. E acredite, olhando em fotos não temos a menor noção do tamanho de tudo isso.

melhor-montanha-para-se-visitar-na-suic%cc%a7a-como-chegar-guia-valores-topo-do-mundo-luh-estilo-bifasico-23

melhor-montanha-para-se-visitar-na-suic%cc%a7a-como-chegar-guia-valores-topo-do-mundo-luh-estilo-bifasico-33

melhor-montanha-para-se-visitar-na-suic%cc%a7a-como-chegar-guia-valores-topo-do-mundo-luh-estilo-bifasico-26

melhor-montanha-para-se-visitar-na-suic%cc%a7a-como-chegar-guia-valores-topo-do-mundo-luh-estilo-bifasico-30

melhor-montanha-para-se-visitar-na-suic%cc%a7a-como-chegar-guia-valores-topo-do-mundo-luh-estilo-bifasico-22

melhor-montanha-para-se-visitar-na-suic%cc%a7a-como-chegar-guia-valores-topo-do-mundo-luh-estilo-bifasico-31

E na última parada você encontra várias atrações! O observatório, o palácio de cristal (que só rola no inverno) e a área externa onde dá pra esquiar, fazer eskibunda e talz.

Quando saímos pela porta e demos de cara com aquela imensidão branca foi o UAUUUU! foi unânime! Que lugar delicioso! O frio lá em cima estava super tranquilo na área externa, pois o sol é bem quente. Aproveitamos nossos 40 minutos tirando muitas fotos e brincando na neve! Tem coisa mais divertida?

melhor-montanha-para-se-visitar-na-suic%cc%a7a-como-chegar-guia-valores-topo-do-mundo-luh-estilo-bifasico-27

melhor-montanha-para-se-visitar-na-suic%cc%a7a-como-chegar-guia-valores-topo-do-mundo-luh-estilo-bifasico-25

melhor-montanha-para-se-visitar-na-suic%cc%a7a-como-chegar-guia-valores-topo-do-mundo-luh-estilo-bifasico-32

Que experiência incrível essa nossa no Jungfrau, por isso tinha que vir aqui fazer este post pra vocês! Como eu disse, é caro, mas foi um passeio tão lindo que valeu cada centavo.

melhor-montanha-para-se-visitar-na-suic%cc%a7a-como-chegar-guia-valores-topo-do-mundo-luh-estilo-bifasico-34

É Suíça, você é realmente tudo isso e mais um pouco! Que país lindo!!! Espero muito poder voltar um dia pra lá! Espero que tenham gostado de mais este destino aqui no blog, aguardem que em breve vem Amsterdam!


Categoria: Look do dia
 
29 de junho de 2016

Finalmente consegui fotografar look com o moletom mais INCRÍVEL dos últimos tempos aqui pra vocês, já usei ele umas 3 vezes mas ainda não tinha conseguido fotografar.

Mas antes de mais nada eu tenho que contar a história desse moletom divo pra vocês… Estava eu outro dia dando uma olhada na loja Rodrigo Martins, ali na Augusta aqui em SP, e acabei me deparando com uma blusinha feminina com essa estampa WOW de lantejoulas… claro que eu me apaixonei né?

Daí mandei mensagem pro Rodrigo e falei que ele tinha que fazer uma versão masculina, e ele gentilmente fez um pra mim de teste. Então, se vocês curtirem, me avisem nos comentários para eu avisar pra ele tentar começar a produzir ok?

O mais legal é o contraste da estampa toda estilo HQ brilhante, com o moletom na modelagem long e preto. Eu AMEI o resultado e não quero mais tirar ele do corpo.

Dessa vez, como optei por usar durante o dia, preferi usar com um jeans básico e sneaker. Mas fica muito legal com uma skinny preta, como usei das outras vezes.

Moletom – Rodrigo Martins | Jeans – Colcci | Sneaker – Zara | Óculos – Ray-ban | Anel – Swarovski | Bolsa – Gucci

Ah, aguardem que eu e Rodrigo já estamos inventando mais moda… Em breve eu mostro aqui pra vocês! E aí, curtiram o look de hoje?