Testei  
11 de outubro de 2013

1000_4686458038543_556487743_n

Já que estão todos colocando foto de criança no Facebook, pensei em fazer um post aqui no blog com algumas fotos minhas de criança, sim o Mini Lúh!  Eu adoro ver fotos antigas, e decidi compartilhar algumas com vocês.

SCAN0047

SCAN0048

SCAN0049

SCAN0045

550957_4686448718310_1066705317_n

560273_4686447238273_1297182418_n

545528_4686451558381_1712444781_n

577219_4686450118345_1516707128_n

602411_4686446478254_1481455976_n

Tem um vídeo no canal onde mostro várias fotos de infância, caso queiram ver.

Um lindo dia das crianças à todos, pois dentro de nós haverá sempre uma criança eterna! 

 


Testei  
1 de outubro de 2013

images

Oi gente, vídeo de hoje é um pouco diferente!!! Quero dividir com vocês um projeto super bacana para o dia das crianças, e claro, pedir a ajuda de vocês também!

Pra quem quiser e puder ajudar, o e-mail de contato é criancas@estilobifasico.com.

Vou adorar saber que posso contar com vocês!!!


Testei  
11 de outubro de 2012

Como é bom ser criança, olhar o mundo de forma alegre e não esperar nada do amanhã. Seu mundo se resume à sua família, seus tios da escola, seus amiguinhos e seus brinquedos. Nada lhe preocupa, a não ser ter que dividir seu brinquedo favorito, aprender a limpar o bumbum e largar a bendita chupeta.

Lembro que quando eu era pequeno tinha um pesadelo recorrente, esquecia de deixar a chupeta no carro da minha mãe e entrava pelo portão da escola com ela nos lábios. Imaginem o pavor de uma criança de 4 anos?! Sim, chupei chupeta por muito tempo. Mas como seria feliz se meus pesadelos de hoje fossem simples assim. Hoje entraria na escola com a bendita chupeta e seria feliz.

A primeira paixão a gente nunca esquece, quando você sente as tais borboletas no estômago e não sabe a razão. Bom seria se essa paixão inocente existisse sempre, o tesão entra em nossas vidas e só prejudica.

Coragem, sim, como somos corajosos quando somos crianças. Afinal, não temos noção das consequências de nossos atos. Se fosse hoje não teria uma micro cicatriz na perna… Marca de quem resolveu subir no telhado atrás do pai. Talvez não tivesse fugido de casa tantas vezes, afinal, sempre me encontravam na casa da minha tia, que era nossa vizinha. E não teria pânico de gansos! hahaha

Como é bom fazer a lista de desejos do papai noel, o cesto do coelhinho da páscoa e guardar o dente pra fada. Afinal, quando crescemos o papai noel é nossa conta bancária que nos possibilita, ou não, comprar o que queremos. O chocolate da páscoa vem do mercado e engorda, nos deixando com peso na consciência, e o dente, ahhhh o dente…. O máximo que você terá dele é um tratamento de canal bem dolorido.

Engraçado, quando somos crianças falamos tudo o que temos vontade, não medimos o peso das palavras. Mas ainda assim isso parece não ofender as pessoas, pelo contrário, é sinônimo de esperteza. Crescemos e temos que filtrar nossas falas e pensamentos, sim, somos engolidos pela necessidade da omissão. Se a falta de sementinhas do  seu pai lhe impossibilitou de ter um irmão, não fique triste, você será broxa um dia e morrerá caso alguém divulgue isso! rs

Quando somos crianças gostamos tanto da segunda-feira, afinal é dia de encontrar os amiguinhos da escola e essa é nossa única preocupação. Crescemos e a segunda-feira se torna detestável, e encontrar os colegas do trabalho te dá calafrios.

Medo? Ah, muito fácil de resolver. Um abajur ligado resolve todos os seus medos, correr pro cama da mamãe é sempre o melhor remédio. Crescemos e os medos se desenvolvem junto, o abajur já não faz diferença e como seria gostoso ter a cama da mamãe pra nos abraçar.

Energia é seu nome quando se é criança, preguiça é seu sobrenome de adulto.

A ânsia pelo novo quando se é criança é fascinante, as descobertas são sempre boas, mesmo quando são ruins. É horrível descobrir que a tomada dá choque, que o ferro de passar queima, que o cachorro morde, que remédio é amargo, que as pessoas crescem e, pior ainda, nos deixam um dia.

Toda criança é egocêntrica, o mundo é seu e tudo gira em seu eixo. Quando queremos algo não precisamos justificar, quando deixamos de brincar ninguém nos cobra e não, não vão brigar contigo por passar a tarde toda assistindo seu desenho favorito.

Sinto lhe decepcionar, mas você também vai crescer. Vai perder a habilidade de andar sobre rodas (patins), vai perceber que bruxas na verdade são pessoas ruins, que papai noel era na verdade seus pais que se matavam para comprar o que você pedia. Vai achar um porre ter uma festa de aniversário, vai olhar fotos antigas e morrer de rir.

A solução é não perder sua essência… por mais responsabilidade que você tenha, pare por alguns minutos a cada dia e veja o mundo com os olhos brilhantes de uma criança. Sem maldade, sem malícia, sem consequência. Apenas viva, deite em sua cama e durma sem pensar no que acontecerá amanhã, por mais difícil que possa ser, durma pensando no brinquedo que você irá escolher para brincar amanhã, o que terá dentro da sua lancheira e fique feliz, você não chupa mais chupeta!

Gente, o texto foi saindo e resolvi postar. Achei bacana e bem válido para todos nós. Vamos tentar manter as crianças dentro de nós?!

Um feliz dia das crianças pra todos!!!! 

Ah propósito, minha lista de presentes está disponível AQUI! hahahahaha (c/c Honey)