Categoria: Look do dia
 
10 de abril de 2017

Que tal fugir um pouco do óbvio? Essa é a idéia do look que trago pra vocês hoje, ousar e fugir um pouco da zona de conforto. Eu mesmo, vocês sabem que tenho um estilo mais casual/esportivo, e dificilmente uso algo que fuja muito disso. Por isso, quando o Davi me trouxe a idéia do look de hoje topei na hora e vou confessar que amei. Ta aí, essa é mais uma vantagem de ter alguém me ajudando nessa parte de style, assim consigo me libertar, abrir os horizontes e pensar em peças que não fazem parte do meu dia a dia.

Eu sempre me gostei de blazer e roupas mais sociais, acho que dá um ar sofisticado sabe? Não sei se usaria todos os dias, mas de vez em quando eu amo! E sigo vários influenciadores da gringa que tem esse estilo, alô Mariano di Vaio. Acho que os italianos usam o blazer como ninguém, mesmo quando são ousados ainda assim eles mandam muito, e foi nessa vibe que trago hoje pra vocês a opção de look de hoje.

Como disse pra vocês, a intenção era incluir o blazer em um contexto de dia a dia, então optei por uma calça mais descolada de sarja, sweater por baixo do blazer e nos pés um sneaker azul de camurça que estou apaixonado. Ah, e como nesse dia estava mais friozinho e ventando, complementei com esse cachecol fofo de listras.

Brinquei bastante nos acessórios desse look, o sneaker no detalhe vocês percebem que de básico ele só tem a cor né? Ele é todo em veludo molhado com algumas interferências de couro fake, comprei no SALE da Zara com um super descontão (paguei 19 francos nele, acredita?), aliás que mostrei tudo pra vocês no vídeo de compras aqui.

Para bolsa optei por um clutch para combinar com a vibe mais elegante do blazer, e de óculos o meu Ray-Ban Hexagonal que vem sendo meu óculos queridinho dos últimos tempos. No pulso, relógio básico e LINDO da Armani Exchange.

Sweater – Hering | Blazer – Aramis | Calça – Pull & Bear | Sneaker – Zara | Clutch – Balenciaga| Cachecol – Colombo | Óculos – Ray-Ban | Relógio – Armani Exchange

Styling – Davi Morilla | Fotos – Carol Valladão